Dicas do Alemão

CAIXAS DE CÂMBIO

A New Holland usa em seus tratores quatro tipos de caixa de câmbio: Econoshift, Sinchroshift, Powershift e Full Powershift. As Econoshift usam sistemas de troca de marchas simples, onde uma luva dentada se acopla a engrenagem com um cubo dentado. O sistema Sinchroshift faz o acoplamento das machas por meio de um sincronizador, que iguala as velocidades das engrenagens com o eixo onde serão montadas. Isto facilita a troca de marchas com o trator em movimento. Esses tipos de caixa de câmbio são comandadas por gamas e alavancas.

Os sistemas Powershift e Full Powershift são operados através de botões. O primeiro permite a troca das marchas com carga, mas as gamas são controladas pelo sistema de sincronizadores. O Full Powershift é o sistema mais apreciado pelos operadores, pois permite a troca de todas as marchas, com ou sem carga.

Para as transmissões 16×4, utilizadas nos tratores das séries 10 até as atuais séries 30 e TS, há alguns cuidados que devem ser tomados na montagem, principalmente com a freio de inércia, inserido entre a engrenagem e o rolamento. Esta peça funciona como um freio do conjunto, diminuindo o tempo da troca de marcha.

1) É importante que ela esteja com os dentes encaixados nas cavidades da engrenagem.

2) Após encaixá-la, montar cuidadosamente o rolamento deslocando-o até apoiar no final do rebaixo.

3) Antes de montar o conjunto na carcaça do Dual Power, limpar a parte externa da capa do rolamento com algum produto que não deixe resíduos de gordura e aplicar uma fina camada de adesivo apropriado, cuidando para que a camada somente fique na superfície, para evitar que a capa do rolamento gire na carcaça do Dual Power e freio execute o efeito previsto.